O Foro Inteligência abordou os problemas de governabilidade da polícia na última quarta (27).

A antropóloga, cientista política e professora da DSP/UFF, Jacqueline Muniz defendeu a necessidade de um controle maior das ações policiais no Brasil. De acordo com Muniz, a insegurança pública no país é um projeto político. Neste sentido, a (in)governabilidade das forças policiais é uma forma de assegurar a manutenção do status quo e assim o faz há décadas.

Há autonomia demais e controle de menos do principal poder que uma sociedade livre delega ao Estado para administrar em seu nome: o poder de polícia que dobra vontades e restringe liberdades”, explicou a cientista política e antropóloga.

Durante sua palestra, Muniz também falou sobre a unificação das polícias Civil e Militar, a natureza da ação policial, o combate ao crime e o mercado paralelo de proteção por meio das milícias.

Veja alguns dos melhores momentos do webinar aqui: