Seu Gegê tinha razão

Seu Gegê tinha razão

Em certos dias, o presidente Vargas concedia audiências ao povo. Um desses dias, quando dona Darcy Vargas estava presente, ele foi solicitado a arbitrar uma desavença entre um padeiro e um açougueiro.

Enquanto o açougueiro aguardava na ante-sala, entrou o padeiro e expôs a sua versão. Getúlio o ouviu em silêncio, tirando baforadas do seu indefectível charuto, e ao final disse ao homem:

– O senhor tem razão!

O padeiro saiu louco de alegria, e minutos depois quem entrava era o açougueiro. Getúlio escutou calmamente tudo o que o homem tinha a dizer, refletiu um pouco, depois sentenciou:

– O senhor tem razão!

O açougueiro, assim como acontecera antes com o outro, deixou o gabinete feliz da vida.

Insight Inteligência - artigos e ensaios fora da curva

Mas, a esposa de Getúlio, dona Darcy, estarrecida com tudo aquilo, protestou:

– Getúlio, não está correto o que você acabou de fazer! Como você foi dar razão a ambos os antagonistas? Isso não se faz!…

Getúlio ouviu imperturbável. Depois respondeu:

– Darcy, você tem razão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *